Início


Seja bem vindo e bem vinda ao site do DIA MUNDIAL DE ORAÇÃO - DMO - Brasil.  

DIA MUNDIAL DE ORAÇÃO – Movimento Universal Ecumênico - Oração com Informação, Ação com Oração.

Construir sobre um firme fundamento

Participe conosco neste momento de oração no dia 05/03/2021, às 19:00
no Canal da IEABTV acessando o link:
 https://youtu.be/siFEQYny8ZU

(Mt 7:24-27)

            As mulheres de Vanuatu nos convidam a refletir sobre este texto bíblico.

            Escolher o lugar sobre o qual construímos a casa é uma decisão muito importante para todos nós, e em especial, para o povo de Vanuatu. Lá, por causa dos constantes terramotos, ciclones, erupções vulcânicas e o aumento do nível do mar é crucial escolher bem o local da construção, pois o fundamento da casa é que garante a sua estabilidade.

            Esta susceptibilidade de Vanuatu para ciclones é mostrada na pintura escolhida para representar o DMO 2021, intitulada de Ciclone Pam II: 13 de março 2015.

            Esta pintura mostra uma mãe orando e se reclinando sobre uma criança.  Enquanto as ondas se encrespam sobre eles, uma palmeira se encurva e os protege. É muito interessante que para a artista Juliette Pita a relação do povo de Vanuatu com a terra, deveria ser como uma mãe protegendo e cuidando das suas filhas e filhos.

            Esta pintura é uma ilustração do que aconteceu no 13 de março 2015, quando a família da artista precisou se esconder num container durante a atividade do ciclone onde ficaram orando. Quando passou o ciclone, só sobrou a cabana coberta com folhas de palmeira.  O resto ao redor deles estava tudo destruído. No horizonte você pode ver algumas cruzes lembrando as pessoas que morrerem naquele dia.

            Quando isso acontece, a sensação que se tem é que a vida da pessoa foi arruinada. Tudo o que se construiu, foi embora, acabou num instante.

            Por isso, as mulheres da Vanuatu sabem, por experiência, da importância de construir uma casa num lugar seguro, com um firme fundamento. 

            Em Mateus 7:24-27, Jesus compara construir uma casa em cima de uma rocha, com ouvir a Palavra de Deus e praticá-la e construir uma casa na areia com ouvir a Palavra e não agir de acordo com a Palavra.

            A casa, na ilustração de Jesus, simboliza a vida.

            Nos cap. 5 a 7 Jesus nos mostra vários fundamentos para construir a nossa vida. Jesus mostra que algumas pessoas construíram baseadas na aparência. Elas querem aparentar algo que não são e se acontece alguma coisa “a casa caí”. Exemplo disso são os fariseus. Eles se escondiam atrás de uma religiosidade, mas não praticavam.  Aparência não resiste a tempestades. 

            Outras constroem suas vidas nas riquezas, nos bens materiais. Jesus nos alerta no sermão de montanha que não dá para servir a dois senhores, não dá para servir a Deus e a Mammon, que representa o deus do dinheiro. Riquezas, também, não resistem a tempestades. 

            Outras constroem suas vidas nas suas habilidades, se julgando melhor do que outro. Se você constrói a casa da sua vida comparando com outros você nunca será feliz. Habilidades e complexo de superioridade, também, não resistem a tempestade. 

            No ensino de Jesus só resiste a tempestade a pessoa cuja base, cujo fundamento esta lançado nas profundezas sólidas da prática. 

            Jesus ensinou que ser cristão é um estilo de vida. Ser cristão não é só acreditar em Deus, decorar um monte de versículos, mas ser cristão necessariamente passa pelas raízes da vida, pelo viver diário, pelo fazer, pelo agir. Por isso, também, o lema do DMO – Oração com informação e oração com Ação. 

            A palavra final de Jesus, para concluir o seu famoso sermão, é exatamente esta história da escolha onde se vai lançar o fundamento e construir  uma casa.  

            Nas tempestades, o sábio construtor permaneceu seguro, enquanto o tolo perdeu a casa.  Os sábios agiram de acordo com as palavras de Jesus, escolheram o solo certo, construíram sobre a rocha, enquanto os tolos não. 

            A essência dos ensinamentos de Jesus é OUVIR a palavra de Deus e AGIR de acordo com ela. Os resultados que virão dependem das escolhas feitas e das ações tomadas.  

            Escolher é nossa responsabilidade. 
            Qual é o fundamento da sua vida?
            Espero que sua escolha seja ouvir e praticar a palavra de Deus.
            Escolha a rocha, onde edificar a sua vida. 

Amem! 
Revda. Grytsje Couperus


 Acompanhe nosso site, clicando no menu que encontra-se à direita